Smart Dicas

Como melhorar seu celular: notificações e arquivos

O celular se tornou um item essencial na vida das pessoas, dependemos dele para nos movermos, para obtermos informações sobre lugares, pessoas e coisas, para nos comunicarmos e para termos acesso a informações úteis de nossa vida pessoal como bancos, contas e etc. Além de, é claro, também para o entretenimento.

Porém, usar um celular pode não ser muito fácil para algumas pessoas, a tela cheia de informações e os botões pequenos e que nem sempre sabemos para o que servem não ajudam. Além disso, devido as ocupações do dia a dia nem sempre temos tempo para desvendarmos todas as opções que os celulares nos proporcionam.

Sendo assim, aprendemos a usar o celular “do jeito que dá” durante pequenas pausas entre outras tarefas, mas nunca temos tempo para entender de fato como funcionam. Aqui, você verá algumas dicas rápidas para melhorar sua experiência com o celular, no entanto, por haver muitos modelos diferentes, daremos uma direção de como melhorá-lo, mas cabe a você realizar as mudanças.

1 – Como diminuir as notificações do celular

As notificações chegam aos nossos celulares aos montes, diariamente recebemos dezenas delas e acabamos por não ver notificações que realmente importam, como mensagem de um familiar necessitado, notificações de e-mails importantes ou avisos bancários.

Os avisos de notificações constantes também atrapalham e interrompem a execução de tarefas e nossa linha de raciocínio, fazendo com que nosso cérebro tenha que reprocessar as informações do que estávamos fazendo, diminuindo a produtividade.

Portanto, desativar as notificações de vários apps do seu celular pode ser algo muito útil sendo recomendado para reduzir o estresse do dia a dia.

Para começar, escolha os aplicativos que não são tão importantes, como jogos, calculadoras, aplicativos de previsão do tempo e redes sociais que não tenham uso profissional, editores de textos, vídeos e imagens, reprodutores de vídeo como Netflix e Youtube, reprodutores de música e qualquer aplicativo que você não use com frequência. É possível, inclusive, desativar notificações de aplicativos governamentais que não faça uso frequente e não tenha nenhuma pendência — como por exemplo, o de carteira de trabalho.

De fato, são poucos os aplicativos que realmente precisam enviar notificações, alguns são os de e-mail, bancários, profissionais e autenticadores.

Exemplo de aplicativos com notificações desativadas

Exemplo de aplicativos com notificações desativadas

Apesar de parecer algo extremista repense no que realmente é útil e mais importante para você, saber quantas pessoas curtiram sua foto pessoal ou poder focar no seu trabalho, estudo ou religião sem interrupções constantes.

Sem as notificações, também será muito mais fácil encontrar informações no celular, pois cada uma adiciona um ícone na barra superior da sua tela, conforme acumulam, não há mais espaço para exibir informações úteis, como os dispositivos nos quais o seu aparelho está conectado, se há alguma mensagem de voz, como está o desempenho e o uso da bateria e etc.

Para desativar as notificações dos aplicativos basta acessar as configurações do seu aparelho e pesquisar por notificações e desativar de todos os aplicativos que desejar. Outra forma não tão prática e recomendada para ser usada apenas depois que a orientação anterior for seguida é pressionar um aplicativo por um segundo até que apareça a opção “informações do aplicativo” ou “configurações” apareça.

Ao tocar em uma dessas opções, você poderá desabilitar as notificações do aplicativo específico.

2 – Polpe a memória do seu celular

Outra forma de melhorarmos a experiência durante o uso do celular é fazendo limpezas frequentes nos arquivos salvos. Primeiramente reveja os aplicativos instalados no aparelho, analise quais deles realmente são úteis e usados — exclua todos os outros. Confira inclusive quais aplicativos que já vieram no aparelho podem ser excluídos caso não tenham uso para você.

Para desinstalar um aplicativo, nem sempre é necessário abrir a loja. Basta tocar e segurar um por segundo em cima do app escolhido e logo aparecerão algumas opções, dentre elas estará a opção de desinstalar — caso possa ser excluído do aparelho. Atenção para não apenas remover o aplicativo da tela inicial do seu aparelho.

Dependendo do uso, isso já economizará certa memória no seu celular, além disso, será muito mais fácil achar os aplicativos que são realmente importantes para você.

Mas se o seu problema é a memória do celular, é possível melhorar ainda mais.

Abra a galeria e exclua todas as fotos e vídeos repetidos e sem importância, por exemplo, imagens de bom dia, frases, versos e versículos, capturas de telas que não precisará mais, memes, gifs, vídeos públicos e etc. Caso deseje, também é possível excluir fotos e vídeos pessoais que já estejam salvos em outro lugar — como em algum aplicativo de nuvem ou em redes sociais.

É importante notarmos que todos os aplicativos que permitem postar, editar ou baixar imagens e vídeos salvarão arquivos no seu celular, estes arquivos nem sempre são úteis e podem (e devem) ser excluídos do aparelho.

Em alguns aplicativos (como o Whatsapp e o Telegram) há a seção de arquivos de mídia, onde são exibidos todos os arquivos que foram recebidos e enviados, incluindo as mensagens de voz e documentos. É possível apagá-los facilmente acessando as configurações ou as informações de uma conversa.


Atualmente é difícil encontrar quem tenha muito tempo sobrando, sempre temos algo em mente, alguma pendência ou preocupação. Ainda assim, a maior parte da população tem alguma rede social onde interage frequentemente.

Sendo assim, é possível fazermos uma pequena interrupção na nossa convivência social para podermos melhorar nossa saúde mental. Aprender a usar adequadamente nossos celulares é um meio para isso, portanto, abra as configurações do seu aparelho, veja para o que serve cada função e otimize seu uso.

Tags:
Siga-nos!

Somos um blog que apresenta informações sobre tecnologia e atividades do dia a dia.